IMG-20181116-WA0024.jpg

Entre os dias 14 a 18 de novembro de 2018, o docente da Universidade de Cabo Verde, Prof. Doutor Vladmir Silves Ferreira, esteve em missão de serviço em Moçambique, na província de Tete, na Universidade de Zambeze, onde, participou na II ESCOLA DE VERÃO SOBRE SOBERANIA E SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL NOS PAÍSES DA CPLP subordinada ao tema “uma abordagem metodológica na perspetiva territorial”. A atividade aconteceu no âmbito do projeto “Fortalecimento do Ensino, Pesquisa e Extensão para a Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) e foi coordenado pela PROINST/ UNILAB via um convénio com o Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações do Brasil (MCTIC/SEPED/DEPIS).

O objetivo do evento foi fortalecer o trabalho do MU-CONSAN-CPLP, compartilhando e qualificando os trabalhos de soberania e segurança alimentar e nutricional, e promover a coesão da Rede de Pesquisa em Sistemas Agroalimentares dos países de língua portuguesa. Como resultado obteve-se o fortalecimento dos processos de cooperação em rede de pesquisadores da CPLP, por meio de um debate que contribuiu para a construção de uma proposta metodológica com foco nos territórios. Além de atividades realizadas na Universidade de Zambeze, o grupo deslocou-se a duas comunidades rurais (Mualadzi e Benga), na província de Tete, viabilizando a construção de propostas e debates com base numa realidade concreta. Estiveram presentes no evento pesquisadores de Angola, Moçambique, São Tomé e Príncipe, Brasil, Portugal e Cabo Verde, estudantes da UniZambeze e demais convidados locais.

No final do evento foi redigida a Carta de Tete, com um conjunto de propostas do MU-CONSAN-CPLP e dos participantes do evento para a construção da soberania e segurança alimentar e nutricional na CPLP.